13/04/2010 às 10h58min - Atualizada em 13/04/2010 às 10h58min

China rejeita sanções como via para resolver questão nuclear iraniana

Anúncio ocorre durante continuação de Cúpula de Segurança Nuclear

Foto por Alex Wong/21.04.2010/AFP
A China divulgou nesta terça-feira (13) que as sanções são um caminho errado para para resolver a questão nuclear iraniana, pouco depois do governo dos Estados Unidos ter anunciado que as duas potências concordavam em cooperar para reforçar as sanções contra o Irã.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Jiang Yu, disse:

- A China sempre acreditou no diálogo e na negociação como a melhor maneira de resolver este assunto. A pressão e as sanções não podem resolvê-lo fundamentalmente.

A Casa Branca anunciou na noite desta segunda-feira (12) que os presidentes dos EUA, Barack Obama, e da China, Hu Jintao, concordaram que os países trabalhassem juntos na definição de sanções contra o Irã na ONU.

Os dois presidentes se reuniram em Washington, à margem da reunião de cúpula sobre segurança nuclear convocada por Obama, que reúne chefes de Estado e de governo de 47 países.
Jeff Bader, principal funcionário de Obama para a Ásia no Conselho de Segurança Nacional, afirmou:

- Os chineses compartilham claramente nossa preocupação sobre o programa nuclear iraniano. Estão preparados para trabalhar conosco.

Os EUA e outras potências ocidentais suspeitam que o programa nuclear iraniano tem fins militares, o que Teerã nega.

Fonte: R7

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »