29/03/2010 às 10h28min - Atualizada em 29/03/2010 às 10h28min

Carta de renúncia de Requião será enviada nesta segunda à Assembleia

Governador vai se afastar para disputar uma vaga ao Senado. Orlando Pessuti assume no dia 1.º de abril

A carta de renúncia do governador Roberto Requião (PMDB) está na mesa do secretário da Casa Civil, Rafael Iatauro, e será encaminhada na tarde desta segunda-feira (29) à Assembleia Legislativa. A informação foi confirmada por Iatauro no blog dele. Requião vai se afastar do governo estadual no dia 1.º de abril para disputar uma vaga ao Senado.

Orlando Pessuti (PMDB) vai tomar posse como governador às 18 horas de quinta-feira (1.º) na Assembleia. Pessuti também é pré-candidato a governador nas eleições de outubro deste ano. Pela lei eleitoral, ele pode continuar no cargo de governador para disputar a reeleição.

Richa também sai

O prefeito de Curitiba, Beto Richa (PSDB), também se afastará do cargo para a disputa ao governo estadual.

Richa apresentará sua carta de desincompatibilização à Câmara na terça-feira (30). No mesmo dia, em sessão marcada para as 10 horas, Luciano Ducci (PSB) vai prestar juramento como novo prefeito de Curitiba. Na edição de domingo do jornal Gazeta do Povo foi mostrado um balanço da administração de Requião. Somado ao primeiro mandato, de 1991 a 1994, Requião ficou 11 anos como governador. Segundo levantamento feito pelo jornal, o estado deixou de investir cerca de R$ 1,9 bilhão na área de saúde.

Na mesma edição, o jornal publicou uma entrevista com o vice-prefeito Luciano Ducci, que assume a prefeitura na terça-feira. Ducci afirmou que irá manter o trabalho que Beto Richa vinha realizando.

Fonte: Gazeta do Povo.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »