12/03/2010 às 08h31min - Atualizada em 12/03/2010 às 08h31min

Detran lança prova eletrônica

Candidatos que fizerem exame de habilitação no Tarumã já passarão a responder às questões teóricas via computador. Teste será mais rápido

A partir de segunda-feira, os candidatos que pretendem abrir o pro­­cesso da primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou re­novar o documento terão a chan­­ce de preencher a prova teórica de forma eletrônica. O Departa­mento de Trânsito do Paraná (De­­tran-PR) vai trabalhar com o novo sistema, por enquanto, somente na sede do Tarumã, em Curitiba. A perspectiva é de que a modalidade esteja em funcionamento em todo o estado dentro de seis meses. Para a implantação deverão ser gastos, aproximadamente, R$ 6 milhões.
Com o novo sistema, o Detran pretende agilizar o processo e diminuir as filas. Na unidade do bairro Tarumã eram atendidas no­­ve turmas diariamente, formadas por apenas 25 pessoas que preenchiam o teste com papel e caneta. Com a implantação da prova eletrônica, a capacidade de atendimento será maior, com atendimento de hora em hora. Para isso, foram instalados 71 computadores, em que os candidatos à primeira CNH terão dez minutos para ler as recomendações e mais 50 minutos para a realização da prova on-line. “Uma das vantagens é o fator tempo: se o candidato acabar antes do prazo estipulado, o equipamento ficará disponível para a próxima pessoa” diz a coordenadora de Habilitação do Detran-PR, Maria Aparecida Farias.
No entano, ela avisa que não adianta chegar muito cedo. A antecipação dos testes está estimada em 30 minutos antes do horário agendado. Outra novidade é quanto ao resultado, que é imediato. O candidato saberá se foi ou não aprovado em outro terminal disponível logo ao lado. No modelo antigo, o resultado demorava 24 horas. A coordenadora lembra que só no fim da próxima semana será possível apurar a média de tempo de realização das provas e reavaliar o sistema piloto. Maria Aparecida co­­menta que o número de questões e a forma de avaliação, com o acerto de 70% das 30 questões, não sofrem mudanças. O novo programa, desenvolvido pela Celepar, está sendo estudado desde 2007.

Spam: e-mail traz falsa regra sobre CNH

Há mais de um ano, um e-mail vem alertando motoristas que precisam renovar a habilitação a não deixar para iniciar o processo mais de 30 dias após o vencimento da carteira. Se estourassem o prazo estipulado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), os motoristas teriam de refazer os testes psicotécnicos, de legislação e de rua.
Segundo a coordenadora de Habilitação do Detran-PR, Maria Aparecida Farias, essa informação não procede. A Resolução 276, editada em 2008, estabelecia que quem não tivesse a CNH com foto (habilitações emitidas antes da introdução do novo Código de Trânsito Brasileiro, em 1998) deveria fazê-la novamente no prazo máximo de 30 dias após o vencimento do documento. Porém, a resolução foi suspensa ainda no ano de 2008. A Deliberação 71, do Contran, vigorou por muito pouco tempo, lembra a coordenadora, mas mesmo assim continua gerando e-mails com informações deturpadas.
O importante é saber que dirigir com a carteira vencida há mais de 30 dias é uma infração gravíssima, com a imposição de multa, retenção da CNH e retenção do veículo até a apresentação do motorista.

Fonte: Gazeta do Povo

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »