04/09/2018 às 15h29min - Atualizada em 04/09/2018 às 15h29min

Tufão Jebi Atinge o Japão o mais forte em 25 anos

Asia comenta


Irregularidades climáticas que estão se observando como na Índia atingiu agora o Japão em cheio, com o tufão Jebi, provocando uma precipitação estimada em 500 mm em 24 horas. Ainda que afetando fortemente a região conhecida como Kansai, até agora só se registrou uma morte, mesmo tendo paralisado totalmente a área em torno de Osaka.

Ondas altas provocadas pelo tufão Jebi batem em um porto de pesca em Aki, na província de Kochi, nesta terça-feira. Foto da agência KYODO, constante de diversos jornais japoneses
O poderoso tufão Jebi atingiu a região de Kansai, inclusive o seu aeroporto que serve Osaka e arredores, provocando ondas fortes como não tinham ocorrido a 25 anos, paralisando totalmente a região. Caminha, enfraquecido para o norte do Japão, devendo chegar até Hokkaido.
Mesmo que até o momento só se tenha registrado uma morte, muitos foram feridos. Um petroleiro ancorado na baía de Osaka foi levado a chocar-se com uma ponte que liga o aeroporto de Kansai com uma cidade próxima de Osaka. Caminhões foram atingidos pelos ventos fortes provocando destruições de algumas pontes com explosões, pois estavam carregando combustíveis.

Barcos flutuam junto com destroços na cidade de Nishinomiya, na província de Hyogo, nesta terça-feira nesta foto tirada de um vídeo obtido da mídia social. Foto distribuido pela agência Reuters e publicada no artigo no do Japan Times, que vale a pena ser lido na íntegra

As agências meeorológicas do Japão estão alertando a população que ondas altas, enchentes e deslizamentos podem ter sido provocados pelo tufão. Muitas grandes empresas japonesas paralisaram suas atividades na região, bem como os transportes aéreos, ferroviários e rodoviários estão prejudicados.
O Japão já foi atingido neste ano por uma sucessão de tufões, tendo partes do país afetadas por inundações e deslizamentos de terras, sendo que em julho foram registradas 220 mortes. O comércio das lojas de departamento de Osaka e de Quioto está fechado.
Como o tufão ocorreu na terça-feira do Japão, ainda não existem muitas outras informações detalhadas, que deverão ser divulgadas nos próximos dias.
Tudo indica que estas irregularidades climáticas estão se observando em diversos países do mundo, mostrando que o aquecimento global deve estar provocando seus efeitos que causarão grandes prejuízos a todos.


Link
Notícias Relacionadas »