15/06/2015 às 12h46min - Atualizada em 15/06/2015 às 12h46min

Na região de C. Procópio, estrada para o Distrito do Congonhas tira a vida motociclista

anuncifacil.com.br
ANUNCIFÁCIL

Na noite de domingo (14), por volta das 20h45, socorristas do SIATE de Cornélio Procópio foram acionados para atenderem um casal que sofreu uma grave queda de moto na estrada que liga a BR 369 ao Distrito de Congonhas, próximo a uma ponte.

Uma equipe formada pelos socorristas Borotta, Eduardo e Cinel foi enviada ao local, percorrendo a distância de aproximadamente 12 quilômetros entre Cornélio Procópio e o distrito rapidamente e ao chegar, se deparou com o condutor da moto, de nome Aguinaldo Marquito, de 37 anos, em óbito e sua companheira com graves ferimentos.

De acordo com o socorrista Borotta, a segunda vítima, de nome Luzia Paula, 33, sofreu fratura exposta na perna esquerda, ferimentos preocupantes pelo corpo e no rosto.

Segundo o socorrista, a mulher expelia sangue pela boca, indicando uma hemorragia interna e diante do fato, ela foi removida do local com muito cuidado, pois a região do acidente é muito acidentada.

Luizia foi imobilizada e encaminhada as pressas até a Santa Casa local, correndo risco de morte, onde ficou sob os cuidados médico da equipe clinica de plantão, relatou Borotta

O corpo de Aguinaldo foi levado ao Instituto Médico Legal de Londrina.

Conforme relato do socorrista, possivelmente o condutor da moto, que se dirigia a Cornélio Procópio, passou reto pela curva da ponte, que não tem proteção, indo parar em um barranco bastante íngreme.

Equipes da Polícia Militar também participaram do socorro, dando apoio ao pessoal do SIATE.

Há tempos que vários acidentes vêm sendo registrados nesta perigosa e precária estrada na região de Cornélio Procópio. Apesar de ferir e tirar vidas, como de Aguinaldo e da população clamar por ajuda, as autoridades responsáveis não se comovem e nada é feito para resolver o problema, passando esta morte a ser apenas mais um número nas estatísticas.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »