12/06/2015 às 16h12min - Atualizada em 12/06/2015 às 16h12min

Atentado a liberdade de imprensa- Repórter é agredido em frente ao Fórum em Nova Fátima

anuncifacil.com.br
ANUNCIFÁCIL

Em Nova Fátima (33 Km de Cornélio Procópio), por volta das 16h de quinta feira (11), onde estava marcado uma audiência no Fórum da cidade com um elemento que praticou alguns crimes no município, o repórter Pokmilton Farinha, do site “Pokmilton Notícias”, foi agredido por um parente do acusado que não gostou da presença do profissional com seu equipamento de trabalho.

Pokmilton Farinha estava em frente ao fórum fazendo sua cobertura dos acontecimentos cotidianos da cidade como de costume, quando o parente do acusado o abordou pedindo para que não o filmasse, Pokmilton respeitou o direito do cidadão e virou a câmera para outra direção, mas continuou fazendo a cobertura.

Não satisfeito, o rapaz puxou a câmara filmadora da mão do repórter, no qual chegou a ser danificada. No calor do momento, Pokmilton Farinha não se conteve e arremessou o equipamento contra o agressor.

Pokmilton se retirou do local e foi para a delegacia de Polícia Civil registrar boletim de ocorrência contra o agressor, que tentou impedir o seu trabalho.

Esse fato, fere de forma grotesca a liberdade de imprensa  no município, que é garantida pelo governo através da legislação.

A imprensa tem o trabalho fundamental de informar os fatos de forma imparcial, democrática, livre, sem censura.

O repórter do site Tribuna Fatimense também já foi vítima deste tipo de agressão, sendo uma triste realidade que acontece em Nova Fátima, fato este que caminha de forma oposta a um verdadeiro estado democrático.

A liberdade de imprensa uma das maiores conquistas do estado brasileiro.

Infelizmente, não só em Nova Fátima, como em outros locais do país, a cada dia que se passa, está sendo mais complicado levar a informação ao público, pela dificuldade eu é imposta, nas barreiras instaladas até por aqueles que deveriam estar do nosso da imprensa

E antes de acusar, ameaçar, agredir um repórter, procure um advogado e se informe de quais são os direitos e limites de um jornalista, não haja por ignorância, pois afinal eles são profissionais que somente estão exercendo seu ofício. (Redação Henrique da Silva – Tribuna Fatimense)


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »