13/05/2015 às 10h45min - Atualizada em 13/05/2015 às 10h45min

Saúde investiga quatro mortes por dengue

Fonte: FolhadeLondrina

Londrina – A Secretaria Municipal de Saúde aguarda resultados de exames de quatro pacientes que morreram em Londrina com suspeita de dengue. De acordo com a gerente de epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde, Sandra Caldeira, as mortes foram registradas nos dias 26 e 30 de abril e 7 e 10 de maio. A idade e o sexo de duas das supostas vítimas da doença não foram divulgados. "Estamos aguardando a cópia dos prontuários. Até o momento, nenhuma morte por dengue foi confirmada em Londrina. Após o resultados dos exames feitos pelo Lacen [Laboratório Central do Estado], vamos analisar detalhadamente os documentos de cada paciente para saber se eles estavam com a doença mas morreram em decorrência de outro diagnóstico ou se realmente a morte foi causada pela dengue", explicou. 

Um dos casos investigados é o da paciente Antônia Alves de Oliveira, de 50 anos, que morava perto do ginásio de esportes Moringão. Antônia apresentou os primeiros sintomas da doença no final de abril e morreu na Santa Casa no último dia 30. Na ocasião, a assessoria de imprensa do hospital informou que o exame de sorologia realizado na paciente havia constatado a presença do vírus no organismo. As causas da morte foram choque séptico e bronco pneumonia. 

Outro caso é o de um paciente de 59 anos que morreu no dia 7 de maio na Santa Casa de Londrina. De acordo com a assessoria de imprensa do hospital, o homem chegou a ser atendido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e no Hospital Zona Norte (HZN). O paciente foi internado no dia 1º de maio na Santa Casa de Londrina com suspeita de dengue e outras complicações. Reinaldo Torres morava no Jardim Ipiranga, na região central da cidade, e as causas da morte foram hepatopatia crônica (complicações no fígado), inflamação na vesícula e choque séptico. De janeiro até o dia 7 de maio, 922 casos da doença foram confirmados em Londrina. 

O chefe da Divisão de Vigilância em Saúde da 17ª Regional de Saúde de Londrina, José Carlos Moraes, informou que foi comunicado apenas sobre uma das mortes investigadas. "Vamos aguardar que o município repasse as informações para que sejam analisados os prontuários e solicitados outros exames", destacou. Até o início da tarde de ontem, a 17ª Regional de Saúde, que abrange 21 municípios, havia contabilizado uma morte por dengue neste ano. O caso ocorreu em Ibiporã. A vítima foi uma idosa de 90 anos. Conforme Moraes, a expectativa é que o resultado do exame da paciente de 50 anos que morreu no dia 30 de abril em Londrina seja divulgado até amanhã. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »