20/03/2015 às 09h14min - Atualizada em 20/03/2015 às 09h14min

Gaeco cumpre nova fase de operação contra corrupção na Receita Estadual

G1

O Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) realiza nesta sexta-feira (20) uma nova fase de uma operação contra supostos casos de corrupção na Receita Estadual no Paraná.

As ações são realizadas em Londrinae região, no norte do Paraná. Segundo o Gaeco, são cumpridos pelo menos 20 mandados de prisão e também outros 18 mandados de busca e apreensão. Até as 8h40, pelo menos 16 pessoas tinham sido presas, entre elas auditores fiscais e um policial civil.

Uma primeira etapa da operação foi no dia 5 de março, quando o Gaeco cumpriu 54 mandados de busca e apreensão em Londrina e em outras cidades do Paraná. Conforme o Ministério Público do Paraná, a ação apurou o enriquecimento ilícito de auditores fiscais e servidores, lavagem de dinheiro e pagamentos de propina.

Ainda no dia 5 de março, a Justiça acatou pedido do MP-PR e decretou a indisponibilidade de bens e a quebra de sigilo bancário e fiscal de cerca de 50 pessoas e empresas. A suspeita, conforme a promotoria, é que os fiscais cobravam propina de empresário para dar baixa em dívidas milionárias, e também usavam o nome de terceiros e "laranjas" para lavar o dinheiro recebido.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »