09/06/2014 às 15h22min - Atualizada em 09/06/2014 às 15h22min

Marginal de penitenciária tenta extorquir prefeito

Cúmplice presa ontem em Joaquim Távora

NPDiário
O prefeito Gelson Nassar, do PSDB, viveu momentos difíceis nos últimos três dias com um marginal exigindo dinheiro para lhe dar supostas informações privilegiadas.O tucano resolveu fingir com o homem que o extorquia e "concordou" com ceder às chantagens e receber um pen drive que conteria as tais notícias.E avisou a polícia.
Por volta das 19h30m desta sexta-feira,dia seis, as polícias civil e militar prenderam Priscila Cristina Leão,23 anos, durante abordagem no mercado da família de Nassar.
A jovem veio de Santa Mariana(pequena cidade perto de Bandeirantes) com um mototaxista e estava no mercado,no centro da cidade, local combinado.O pen drive que a moça trazia,porém, não continha nada.
Os policiais abordaram e detiveram rapazes que estavam nas proximidades(fotos), mas foram liberados depois de ouvidos e constatado nada terem com o crime.Na abordagem o investigador da polícia civil Roberson apreendeu com Denílson Alves da Silva uma bucha de maconha.
Segundo a reportagem apurou, a jovem disse ter sido contratada apenas para transportar o dispositivo portátil de armazenamento e deu o nome do contratante, Igor Yuri de Barros,marginal preso na Penitenciária Estadual de Londrina.Ela deveria pegar um envelope com dinheiro que seria dado pela primeira dama,Karen. 
O mototaxista Eliel Calixto da Silva disse desconhecer o que ocorria.
O chefe do executivo foi procurado,entretanto,preferiu não prestar declarações.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »