14/11/2013 às 17h32min - Atualizada em 14/11/2013 às 17h32min

Homem de 46 anos de idade tira a própria vida no Jardim Figueira

Anuncifacil.com.br

Na madrugada de quinta feira (14), em Cornélio Procópio, um homem identificado como Carlos Alberto do Nascimento, 46, foi encontrado pelo enteado com uma corda envolta ao pescoço e dependurado no caibro do telhado de uma casa do Jardim Figueira, por volta das 1h.

O rapaz soltou o homem que já estava com parada cardiorrespiratória e imediatamente acionou a equipe de socorro do SAMU, que se dirigiu ao local com extrema rapidez, acompanhada por uma viatura da Policia Militar.

De acordo com o clínico Otávio, médico regulador do SAMU, ao chegarem ao local, os socorristas sem perderem tempo iniciaram as manobras para tentarem reanimar a vítima, o que deu certo e Carlos Alberto recobrou os sinais vitais após vinte minutos de uma árdua batalha.

A moradia onde ocorreu o fato era muito escura e a PM auxiliou iluminando o local para os socorristas poderem prestar atendimento, relatou o Dr. Otávio que agradeceu o apoio dos do CB Roberto e sua guarnição.

Segundo o médico, a vítima ainda tinha a marca da corda no pescoço e mesmo com a reanimação de Carlos Alberto, dificilmente ele sobreviveria devido o tempo que ficou em parada cardiorrespiratória e caso isto ocorresse, ele poderia ficar tetraplégico.

A vítima foi levada com urgência a Santa Casa e como previsto pelo Dr. Otávio, ela entrou em óbito pouco depois no pronto socorro do hospital municipal, apesar de todo esforço empreendido pela equipe médica de plantão para salvar a sua vida.

O entiado da vítima mencionou aos socorristas que Carlos Alberto tem histórico familiar de problemas psiquiátricos e a sua morte pode ser sido motivada por uma profunda depressão, que leva o paciente a usar de todos os meios para aliviar o sofrimento, salientou o médico do SAMU.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »