19/04/2013 às 14h28min - Atualizada em 19/04/2013 às 14h28min

Desenho do Amor

Crônicas do Jair Padeiro

Jair Garcia

Fechei os olhos no silêncio da noite, meditei, e refleti sobre o mundo que o amor desenhou para o homem. Um mundo de paz, pessoas vivendo felizes e de uma maneira simples. Meus pensamentos foram às ruas! Não se via crianças abandonadas, vivendo nas drogas ou na prostituição, não se via animais esfomeados andando de um lado para o outro farejando migalhas pelo chão para matar a fome ou a espera de um pingo de água para amenizar a sede. Meu pensamento foi lá nos hospitais onde vi os médicos salvar vidas e aliviar a dor dos enfermos que sofriam. Todos os doentes eram tratados com carinho.

Minha reflexão alcançou os trabalhadores! Todos felizes, pois recebiam salário digno para cuidar bem das suas famílias. Fui também ao campo dos sentimentos e vi as pessoas rindo! Ali a malícia, o desprezo, a cobiça, a ira, a ambição, a vaidade, o luxo, não tinham nenhum valor. Tudo era simples e girava em torno do amor. Meu sentido foi ainda na natureza onde vi tudo preservado: a mata ciliar, os rios, as florestas. O ar era puro, a água cristalina, não havia poluição e nem destruição. Os animais viviam a sua maneira, eram livres dos homens sem escrúpulos.

Entrei no mundo conjugal e não vi desacordo e nem separação. Vi os casais se amando e educando os seus filhos. Dei um passeio no mundo espiritual e vi nas igrejas homens pregando a fé, salvação e a pureza, sem nenhum interesse material, transmitindo aquilo que é sagrado para os fiéis.

E, finalmente, eu não queria, pois sabia que era quase impossível ver, mesmo em pensamento, mais entrei no mundo político. E vi eleitores felizes, seus representantes eram honestos, só faziam projetos em favor do povo e da pátria. Não pensavam apenas nos seus partidos. Tudo era transparente. Não existia corrupção.

E de repente o clarão do sol entrou em meu quarto, e eu despertei para a realidade do mundo em que vivemos, e o desenho do amor foi só na imaginação.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »