06/02/2013 às 10h39min - Atualizada em 06/02/2013 às 10h39min

Rapaz perde a vida em acidente de moto na PR 160 em a Nova Fátima

anuncifacil.com.br

Marcos de Oliveira Biral, 37, morador da cidade de Nova Fátima (30 Km de Cornélio Procópio), perdeu a vida na tarde de terça feira (5), em um acidente por volta das 17h, no trevo de entrada da cidade.
Segundo informações do agente da Polícia Civil de Nova Fátima, Marlon de Sá, pela cinemática do acidente, a motocicleta cruzou a preferêncial da rodovia e não percebeu um caminhão que trafegava pela estrada que acabou colidindo com o veículo, tirando a vida de Marcos que estava na garupa do veículo
De acordo com o motorista do caminhão, Vagner Rodrigues, morador da cidade de Siqueira Campos, ele conduzia o veículo em sentido a Cornélio Procópio, quando de repente o motociclista cruzou a sua frente, não dando tempo frear. De acordo com Vagner, o motociclista até tentou parar, mas não conseguiu.
Testemunhas que presenciaram o acidente confirmaram a versão do caminhoneiro.
O motorista que deveria seguir para o Paraguai, informou que pelo menos uma vez por semana passa pelo local, porém no dia de hoje aconteceu esta fatalidade. O caminhoneiro falou que se tentasse jogar o caminhão para o canteiro, ele iria acabar se chocando com os outros veículos e a tragédia seria maior.
O Dr. Frank, médico do SAMU que atendeu o acidente, declarou que o condutor da moto Oséias Telles da Silva, 33, estava consciente e orientado, apresentando dores na região dos arcos costais e dorso, com possível fratura em pelo menos três costelas e um ferimento corte contuso de aproximadamente 15 centímetros no pé. Após ser atendido o motociclista foi encaminhado ao pronto socorro da Santa Casa de Cornélio Procópio.
Conforme relatou o Dr. Frank, Marcos de Oliveira teve morte instantânea, devido múltiplos ferimentos internos, inclusive (TCE) traumatismo craniano encefálico.
No local do atendimento, uma rodovia de grande fluxo, houve aglomeração de pessoas que atrapalhavam o atendimento, colocando suas próprias vidas em risco e os socorristas tiveram dificuldade no acesso a vitima.
Outro fator que deve ser salientado, é a falta de respeito e consciência de alguns condutores que na estrada não davam passagem para a ambulância como foi presenciado nesta ocorrência, mesmo o veículo estando com sirenes e giroflex ligados e toda perca de tempo pode custar uma vida que espera socorro alertou o médico do SAMU.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »