24/01/2013 às 09h18min - Atualizada em 24/01/2013 às 09h18min

Mais uma idosa cai em golpe na região dos bancos na área central da cidade

anuncifacil.com.br

 

Por volta das 13h30 de quinta feira (23), um comerciante da área central do Cornélio Procópio acionou policiais militares para se deslocarem até seus estabelecimento, onde estaria uma idosa vítima de estelionato. Segundo o solicitante a mulher caiu no famoso “golpe do bilhete premiado”.

Chegando ao estabelecimento comercial, os PMs encontraram a senhora de nome Antônia, de cerca de 60 anos de idade, que já os esperava. A idosa passou a relatar que caminhava pela Rua Minas Gerais, em direção a Caixa Econômica Federal por volta das 12h30, quando foi abordada por uma mulher que se apresentava muito nervosa e chorando.

Segundo a senhora Antônia, a mulher disse que estava desesperada, pois ganhou um prêmio de quatrocentos mil reais em um bilhete de loteria e precisa de ajuda para retirar o dinheiro do banco.

Uma segunda mulher se aproximou e convenceu Antônia a ajudar, pedindo que retirasse de sua conta particular certa quantia em dinheiro com a promessa que ela ganharia uma boa recompensa.

Inocentemente a idosa foi o banco, acompanhada de uma das mulheres e retirou cinco mil reais em dinheiro.

Se dirigindo ao local onde a suposta ganhadora da loteria esperava, um estabelecimento comercial nos arredores da Igreja Matriz, foi pedido que a senhora Antônia aguardasse ali e pegando todo o dinheiro da idosa, as mulheres se dirigiram ao banco para retirar o suposto prêmio, porém nunca voltaram para darem a tal recompensa.

Depois de uma hora de espera, a senhora Antônia se convenceu que caiu em um golpe e pedindo ajuda do comerciante, solicitou a presença da polícia.

Após ouvirem o relato da vítima, imediatamente a equipe policial iniciou diligências para tentar encontrar as golpistas. Outra situação muita parecida aconteceu na cidade de Bandeirantes pela manhã e tudo indica serem as mesmas pessoas que aplicaram o golpe na senhora Antônia.

Câmeras de segurança de lojas e do banco registraram a imagem de uma das mulheres e a PM agora busca identificar esta pessoa.

Para o SD Francisco Tinti que acompanhou a ocorrência, isto demonstra que a população não dá à devida atenção aos alertas da Polícia Militar. O fato sempre ocorre e a PM insiste em divulgar, orientando sempre os cidadãos sobre este tipo de golpe que ocorre na região dos bancos na área central de Cornélio Procópio.

Há tempos vem sendo registrados situações onde principalmente idosos são enganados ao se dirigirem ou saírem de instituições bancárias e os familiares deixam de ficar atentos e não acompanham seus parentes mais velhos nas visitas aos bancos, apesar dos comunicados da PM pela imprensa local.

Apesar das buscas realizadas pela Polícia Militar, as duas mulheres não foram encontradas.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »