04/11/2010 às 18h33min - Atualizada em 04/11/2010 às 18h33min

Mais velha do mundo morre aos 114 anos no Caribe

Mais velha do mundo morre aos 114 anos no Caribe




Eugenie Blanchard, uma monja considerada a pessoa mais velha do mundo, morreu hoje na ilha caribenha de São Bartolomeu. Ela tinha 114 anos. O diretor do hospital Bruyn, Pierre Nuty, disse que a morte ocorreu na manhã de hoje, na instituição em que ela vivia na ala geriátrica desde 1980. A prima de Eugenie, Armelle Blanchard, disse que, apesar de a monja não conseguir mais falar, parecia relativamente sadia. "Quando alguém falava com ela, ela sorria", contou. "Não sabemos se nos entendia", acrescentou.

Eugenie nasceu em São Bartolomeu, em 16 de fevereiro de 1896. Passou boa parte de sua vida no convento, na ilha de Curaçau, antes de voltar para casa na década de 1950. Era a última de uma família de 13 irmãos. Eugenie trabalhou desde cedo, segundo sua prima. "Nessa época, a vida era muito dura em São Bartolomeu", disse. "Ela cuidava do jardim e dos animais".

A monja se tornou a pessoa mais velha do mundo quando Kama Chinen, do Japão, morreu uma semana antes de completar 115 anos, segundo o Grupo de Investigação Gerontológica, que registra pessoas em idade muito avançada. O Livro Guinness dos Recordes também reconhecia Eugenie como a pessoa mais velha do mundo. As informações são da Associated Press


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »