28/09/2011

Terço dos Homens

INICIO DO TERÇO DOS HOMENS NO BRASIL E EM URAÍ Primeiramente o início do TERÇO DOS HOMENS NO BRASIL, do movimento Mãe Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt, nasceu na cidade de Ibati, interior de Sergipe, por iniciativa do Frei Peregrino, capuchinho, vindo do convento de São Francisco de Penedo no Estado de  Alagoas, chegou em Itabi no dia 02/09/1936 e no dia 08/09/1936 iniciou-se o Terço com 220 homens e só podiam participar homens com idade acima dos 16 anos, “já são 75 anos de oração e união”. O integrante mais antigo e também fundador do grupo tem hoje 90 anos é o Sr. Antonio Menezes de Souza, conhecido como seu Tutu, e ainda está ativo nos encontros com seus companheiros de oração. Um fato curioso e que chama atenção é que ao longo de todo este tempo o grupo mantêm a mesma estrutura com os mesmos cantos que dinamizam as orações. O Terço dos Homens é definido como um movimento da Igreja Católica, com espírito pós-moderno, oriundo ainda dos reflexos do Concílio Vaticano II. É uma campanha que pretende conquistar e valorizar o religioso dos homens, através da descoberta de sua natureza como ser filial, dependente de Deus, para melhor desempenhar a sua paternidade e a sua missão cristã. Através da oração comunitária, o homem desenvolve uma devoção que o leva, como chefe de família, a reconquistar o seu lugar de mestre, pastor e sacerdote, a exemplo de Cristo. Aprendendo a rezar e levando sua família também à oração, ele se faz respeitar e amar. O Terço dos Homens apresenta-se, sem dúvida, como uma resposta à problemática pessoal, social e comunitária dos dias de hoje, onde o homem, de modo geral, é um ser presente em todas as atividades humanas, mas ausente no seio da Igreja. Assim, rejubilam os sacerdotes que buscavam uma forma de trazer os homens de volta às fileiras da Igreja. O Terço dos Homens é também uma nova vertente de vida, fruto dos Santuários de Schoenstatt e está ligado à imagem da Mãe e Rainha que visita às famílias como Mãe Peregrina. A campanha do Terço dos Homens quer atingir toda a família. Espera-se que a esposa, que por norma está mais sintonizada com o sentido religioso, deve ser o elemento chave empurrando suavemente o marido e filhos, e as filhas em fiel participação, também meditem o Terço em suas casas, se possível no mesmo horário. Os homens, porém, devem se reunir e rezar em grupo. Hoje o Movimento de Schoenstatt está presente em mais de 82 países e em todos os continentes com mais de 200 Santuários, onde pela especial presença de Cristo e Maria formam-se pessoas e comunidades capazes de lutar pelo Reino de Deus. Em Uraí  tudo começou no dia 30 e 31 de agosto de 2007, através de um encontro realizado com a coordenação da Mãe Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt, na cidade de Atibaia-SP, e participaram deste  encontro o grupo do movimento da Mãe Rainha de Uraí, entre elas a coordenadora geral do movimento em Uraí, a Sra., Maria Leida de Almeida, que retornou toda entusiasmada do encontro, com um objetivo na mente, de implantar o Terço dos Homens na comunidade, e assim o fez,  convidou alguns homens para coordenar o movimento e  teve muitas rejeições, mas como “Deus” é o superior e como a vontade era tanta,   que alguns acabaram aceitando o convite, entre eles o Sr. Sebastião Nunes e os irmãos Edmar dos Santos e Emerson  Lopes dos Santos  que prontamente assumiram a missão de coordenar o Terço dos Homens na comunidade. Foi assim que no dia 25 de Fevereiro de 2008 com a participação do grupo do Terço dos Homens da cidade de Bela Vista do Paraíso, realizou-se o primeiro terço na capela do Centro Pastoral Assunção com 75 homes, e como o numero de participantes foi aumentando, mudaram para outro local e atualmente com uma média de mais de 100 homens por reunião, o terço é realizado todas as segundas feiras a partir de 20:30 horas, na Igreja Matriz, onde se tem uma ótima acomodação. O grupo do Terço dos Homens de Uraí, fortalecido ao longo do tempo, foi convidado a participar do primeiro Terço dos Homens da cidade de São Sebastião da Amoreira, realizado no dia 16/05 e também na cidade de Nova Fátima, realizado em 26/05, motivo de muito orgulho para o grupo uraiense.  E hoje o Terço dos Homens é uma realidade em nossa comunidade, graças a dedicação, a insistência e a fé de algumas pessoas que fazem parte da historia e do sucesso deste movimento religioso. O homem rezando se torna menino, que pode mudar do mundo o destino. Rezar um Terço é o maior exercício da fé.........  
Link
Tags »
Mais Galerias »